Incendiada a casa de mais um retireiro em Luciara/MT

Por Maíra Ribeiro / Comunicação AXA

O retiro de Domingos, pai do vereador retireiro e índio kanela Jossiney Evangelista ficou completamente queimado após incêndio criminoso neste domingo, 22 de setembro, em Luciara, Mato Grosso. Este é o segundo retiro queimado nesta semana, na quarta-feira passada (18/09) a casa do retiro de Rubem Sales, o Rubão, também foi incendiada. Já na manhã de sábado (21/09), “manifestantes” queimaram pneus em frente à residência na cidade de Rubão, ameaçando queimar também a casa da cidade.

Os fazendeiros e comerciantes da cidade estão à frente das ações que tem ocorrido recentemente. O conflito destes com os retireiros do Araguaia em Luciara é antiga, porém nestes últimos dias, Luciara vive uma onda de terror e perseguição sem precedentes por parte de fazendeiros e comerciantes da cidade contrários à luta dos retireiros. Eles usam a desinformação e controle político para tentar colocar a população da cidade contra os retireiros.

Na semana passada, um grupo de pesquisadores da UFMT que se dirigia à cidade para realizar atividades de Cartografia Social foi impedido de entrar na estrada que dá acesso à cidade ou de continuar viagem até São Felix do Araguaia, cidade vizinha. Homens em uma caminhonete escoltaram e obrigaram o ônibus em que o grupo de pesquisadores´estava a retornar até o antigo Posto da Mata, a cerca de 90 km do entrocamento para Luciara e de lá voltar para a capital Cuiabá, distante mais de mil quilômetros de Luciara.

A MT-100, único acesso terrestre à cidade, está obstruída desde então, bem como o aeroporto da cidade. O acesso ao lago e beira de rio onde ficam os retireiros também está interditado. O clima é de tensão e ninguém entra ou sai. O comércio da cidade fechou e há faixas espalhadas pela cidade contrárias à criação da RDS. As faixas reproduzem mensagens de ódio aos retireiros, à Prelazia de São Felix do Araguaia e as pessoas à ela ligadas.

Jossiney Evangelista, que teve o retiro da família incendiado, foi o único vereador da cidade que não assinou a carta de repúdio à criação da RDS na Câmara Municipal de Luciara. Os demais vereadores foram vistos na passeata contra os retireiros que culminou em churrasco na barreira que fecha a MT-100. Rubem é presidente da Associação dos Retireiros do Araguaia (ARA) e junto com seus companheiros vem sofrendo ameaças de morte. Recentemente, foi ameaçado de ser expulso com sua família da cidade. A bióloga Lidiane Sales, irmã de Rubem, sofreu ameaça de ser queimada viva em sua moto. Hoje pela manhã, o diácono Zecão, agente pastoral da Prelazia em Luciara, denunciou que deram um tiro na porta de sua residência. A Polícia Militar local não tem agido e diz não ter poder frente à força dos fazendeiros. As famílias retireiras estão com medo e sem segurança.

Mobilização

A informação sobre a grave situação em Luciara está sendo levada às autoridades para que haja uma interferência e proteção às pessoas ameaçadas e ao grupo de retireiros. A Comissão Nacional dos Povos e Comunidades Tradicionais (CNPCT), da qual Rubem é membro, está se articulando para apoiar a luta dos retireiros. Já foram acionados a Secretaria de Estado de Segurança Pública de Mato Grosso, o Delegado Geral da Polícia Federal, o deputado estadual Alexandre César, o Ministro da Justiça José Eduardo Cardozo, que também já entraram em contato diretamente com o governador de Mato Grosso, Silval Barbosa.

Hoje, estava marcada reunião com o Secretário de Estado de Justica e Direitos Humanos de Mato Grosso para tratar de garantias do Estado na defesa da vida. A coordenação do Projeto Nova Cartografia entrou em contato com a presidente da Sexta Câmara do Ministério Público Federal, Débora Duprat, pedindo providência para a segurança do retireiro Rubem Sales. O Ministério Público Federal já instaurou investigação criminal para identificar e punir os responsáveis pelos atos de violência e terror no município.

Imagem: Agência da Notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *