Conheça a nova galeria de imagens no blog da AXA

O blog de notícias da AXA está com uma nova galeria de imagens. A cada dois meses apresentaremos fotografias sobre um novo tema.  Veja o registro de algumas das atividades da ANSA – Associação Nossa Senhora da Assunção no P. A. Dom Pedro. Confira as imagens e conheça mais sobre este trabalho!

Por Lilian Brandt

dscf3383Trabalho de educação ambiental, com a visita de cerca de 100 estudantes da Escola Estadual Presidente Tancredo de Almeida Neves, no ano de 2012, onde se explicou  sobre conservação de sementes e plantio.

dscf3424 Os estudantes da Escola Estadual Presidente Tancredo de Almeida Neves também aprenderam a compor uma boa terra para o plantio.

 

dscf3455 Estudantes da Escola Estadual Presidente Tancredo de Almeida Neves aprenderam ainda a limpar sementes, como as de jatobá, colocando a mão na massa.

 

dsc01888 E para finalizar o processo de aprendizagem, os estudantes da Escola Estadual Presidente Tancredo de Almeida Neves plantaram algumas sementes na terra. Espera-se que o trabalho de educação ambiental tenha plantado uma semente em cada estudante, e que se tornem adultos conscientes da importância de preservar o cerrado.

dsc00373

 

Exposição de frutos e sementes do P.A. Dom Pedro durante o Encontro Geral da Rede de Sementes do Xingu, em 2012.

dsc07682 A cada final de ano, a ANSA promove reuniões de avaliação com as associações e os assentados. Na fotografia, reunião da ANSA com a Associação Família Casadão, em 2013.

dsc07684

Reunião da ANSA com a Associação Família Casadão, no P.A. Dom Pedro, em 2013.

 

 

dsc07652 Área de pastagem sobre uma mina d’água. O pisoteamento do gado afetou a nascente, então a primeira providência para a recuperação da mina d’água foi cercar para impedir o trânsito de gado. Foram plantadas espécies que regeneram e favorecem a preservação da água, como buriti.

 

dsc07456 O agricultor Cícero Sebastião, em frente à sua área de plantio com horticultura. Ao fundo, a mata mostra área em restauração florestal.

 

dsc07458

Área de plantio do agricultor Cícero Sebastião, consorciando diversas espécies, como banana e tomate.

 

dsc07390 O cajueiro (Anacardium occidentale L.) é uma planta tropical originária do Brasil e que pertence a família Anacardiaceae. No período de julho a agosto, a Fábrica de Polpas Araguaia transporta caju do P. A. Dom Pedro a São Félix do Araguaia. Em 2013, foram adquiridas dos assentados e posteriormente comercializadas 17 toneladas de caju.

dsc07333Mangabeira (Hancornia speciosa) carregada de mangabas, frutinha muito apreciada na região do Araguaia. A espécie tolera a seca e se desenvolve bem em solos ácidos e pobres em nutrientes. Sua polpa pode ser consumida madura in natura e é matéria-prima para produção de deliciosos produtos beneficiados.

dsc07344Visita ao assentado João Carlos, produtor de frutas, que tem em seu lote mais de 100 mangabeiras plantadas. Infelizmente, o fogo passou em sua terra e queimou boa parte de sua produção. Na fotografia, João Carlos mostra uma mangabeira carregada que resistiu ao fogo.

dsc01981Estudantes do curso Técnico em Agropecuária do IFMT – Instituto Federal do Mato Grosso estagiam no viveiro da ANSA. Na fotografia os estagiários estão plantando no módulo experimental de técnica de plantio de frutíferas nativas do cerrado (como pequi e caju), utilizando a técnica de adubação verde.

dsc01881 Semente germinando

 

dsc01841 Viveiro da ANSA, em São Félix do Araguaia. Todos os anos a ANSA produz uma enorme quantidade de mudas, que é apresentada aos assentados e, conforme o interesse de cada agricultor, são comercializadas a um preço simbólico.

 

dsc00401 Todos os anos, entre junho e agosto a ANSA realiza uma reunião de planejamento do projeto de restauração individual dos assentados do P. A. Dom Pedro. Na ocasião, são apresentadas as disponibilidades de sementes e mudas da ANSA e o interesse de cada participante. Na fotografia, a reunião de 2013, com a participação do Seor Capão Verde, Ribeirõzinho e Trevo do Macaco.

Imagens: acervo ANSA

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *