Festival de Quadrilha de Serra Nova Dourada volta ao Circuito de Quadrilha do Araguaia – Cirquaia

Por:Telma Aguiar

Foram realizadas as etapas regionais do Circuito de Quadrilha do Araguaia – Cirquaia, o evento nasceu a partir do Festival de Quadrilha de Serra Nova Dourada no ano 2002 e de lá pra cá a cidade até deixou de realizar sua festa por quatro anos, mas isso não impediu o circuito de incorporar novas cidades e entrar para a agenda da Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Turismo de Mato Grosso nem fez com que fosse menor a paixão dos pioneiros pela festa junina.

Com início na última quinta-feira e término no Domingo o Festival de Quadrilha de Serra Nova teve na decoração a bandeira nacional brasileira, confeccionada bandeirola por bandeirola, sobre a quadra de dança, mas o colorido do São João esteve presente nas áreas das barraquinhas de comidas e bebidas e no espaço de transeuntes.

IMG_1935 red

Faltaram, entretanto, as comidas típicas de festa de São João. Nenhuma das barracas vendia o tradicional quentão, por exemplo. A justificativa era que ninguém tinha a receita.  Dorival, fotógrafo, morador de São José do Xingu reclamou: “a receita é simples e qualquer site de culinária na internet disponibiliza”.

Fora isso, tudo conforme o anunciado, shows de forró, torneios de futebol e Serra Nova segue na disputa do Cirquaia que terá a etapa final em Nova Xavantina a partir de amanhã (03/07). As duas festas oferecem premiações as equipes de quadrilha.

IMG_1991 red

O prefeito Japonês, como é conhecido Édson Yukio, disse que realizar o evento é uma questão de honra para ele: “o que mais temos aqui é futebol, que não agrada a todos, mas a maior parte das pessoas do município gosta e está aqui hoje para ver o espetáculo da quadrilha”.

Ele declarou também que gostaria que tivesse uma fórmula que obrigasse os próximos administradores do município a não negligenciassem a festa. O desejo nasce em razão de Serra Nova Dourada ter ficado os quatro anos da gestão municipal anterior sem a festa que é um dos maiores orgulhos da população.

IMG_1960 red

Segundo informações de populares, a administração anterior não submeteu projetos para órgãos financiadores alegando que os cerca de 70 mil reais disponíveis, na época, não seriam suficiente para realiza a festa (são disponibilizados hospedagem e alimentação para os participantes) e ainda disseram “no plenário da câmara municipal” que a população tinha de escolher entre a expansão da rede de água ou a festa. Não se confirmou, entretanto, aumento da rede de água.

O administrador Denis Marco, experiente na administração pública explica que para a expansão da rede de água são utilizados “recursos de investimento”, já para realizar uma festa são “recursos de custeio”. “As fontes de recursos são de naturezas totalmente diferentes”, enfatizou.

 Projetos Futuros

 O prefeito Japonês revelou ainda seu desejo de construir uma espécie de Quadrilhódromo. “Nossa equipe tem muito trabalho para montar toda essa estrutura, com um espaço apropriado será melhor para quem dança e para quem organiza a festa”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *