Vem aí: Mostra de Cinema Xavante

A Mostra contará com sessões de filmes produzidos por indígenas seguidos de debate para o público em geral e sessões de filmes para o público escolar.

Barra do Garças (MT) – Com o objetivo de promover, divulgar e debater a produção audiovisual do povo Xavante e indígena em geral, a Fundação Nacional do Índio (Funai), através da Coordenação Regional Xavante, em Barra do Garças, com o apoio do Museu do Índio, Núcleo de Produção Digital/UFMT e do Cefapro/Seduc-MT, realiza, de 30 de novembro a 03 de dezembro, a Mostra de Cinema Xavante.

Dentro da programação haverá o espaço de troca de experiência dos realizadores Xavante e parceiros, destinado ao compartilhamento de iniciativas de sucesso, projetos e experiências sobre a produção audiovisual xavante, bem como planejar ações futuras.

A Mostra contará, ainda, com sessões de filmes produzidos por indígenas seguidos de debate para o público em geral e sessões de filmes para o público escolar de Barra do Garças. Além disso, haverá oficina de produção audiovisual para participantes indígenas.

Concebendo a Mostra

A Mostra de Cinema Xavante é uma iniciativa da Coordenação Regional Xavante, da Funai, juntamente com o cineasta Xavante Divino Tserewahú Tsereptsé (coordenador indígena do projeto), através do Programa de Apoio a Projetos Culturais 2016 do Museu do Índio.

A proposta surgiu a partir da demanda levantada no projeto cultural “Cinema nas Aldeias Xavante: ver, ouvir e debater”, que exibiu filmes indígenas em 12 aldeias das Terras Indígenas Parabubure e Ubawawe, desenvolvido pela Coordenação Regional Xavante ao longo de 2015. 

Para mais informações sobre a Mostra de Cinema Xavante, clique aqui.

Confira a programação:

Quarta, 30 de novembro de 2016

– Tarde

Oficina de produção audiovisual com participantes indígenas. Local: Núcleo de Produção Digital NPD/UFMT

– Noite

Abertura da Mostra de Cinema Xavante

  • Daritidzé – Aprendiz de curador (Divino Tserewahú, 2003, 35 min)     
  • Xavante: Memória, Cultura e Resistência (Gilson Costa, 2016, 28 min)
  • Dasiwa’ubureze – Nossa Cultura (Cristina Flória e Wagner Pinto, 2014, 50 min)

Debate com realizadores. Local: SINTEP

 

Quinta, 01 de dezembro de 2016

– Manhã e tarde:

Oficina de produção audiovisual com participantes indígenas. Local: NPD/UFMT

Sessões de curtas para estudantes do ensino médio. Local: SINTEP

– Noite: 

Exibição de filmes e debate com realizadores

  • Para onde foram as andorinhas? (Mari Correa, 2016, 22 min) 
  • Uma Casa Uma Vida (Raiz das Imagens, 2013, 24 min)
    Mário Jururã – O espírito da floresta (Armando Lacerda, 2009, 01h26min) 

Debate com realizadores 
Local: SINTEP 

 

Sexta, 02 de dezembro de 2016

– Manhã e tarde:

Oficina de produção audiovisual com participantes indígenas. Local: NPD/UFMT

Sessões de curtas para estudantes do ensino médio. Local: SINTEP

– Noite: 

Exibição de filmes e debate com realizadores. 

  • Martírio (Vincent Carelli, 2016, 2h40min). Local: SINTEP

 

Sábado, 03 de dezembro de 2016

– Manhã: 

Troca de experiências e apresentação de projetos em andamento ou finalizados entre realizadores audiovisuais amadores ou profissionais Xavante e de outros povos e parceiros.

Local: NPD/UFMT

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *