A Paisagem que não volta

Por Articulação Xingu Araguaia

Quando o asfalto vem ele traz consigo o desenvolvimento e leva para sempre a paisagem na qual crescemos e nos acostumamos a passar mapeando os pés de frutas, as moitas de cagaita e mangaba que tem aos montes nos cerrados do Araguaia.

Dia desses a gente olha e as frutas, as sombras e tudo o mais que diversificava aos olhos, aos sabores e aos aromas não estão mais ali. Essa é a realidade de muitas áreas que tem sido transformadas em plantios de monocultura na região Xingu Araguaia.

O desenvolvimento com sustentabilidade é o que nos dará tranquilidade para chegarmos ao futuro sabendo que fizemos a nossa parte.

O Cerrado é o nascedouro das águas.

Preserve!

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *